Fernando Báez na Fliporto 2011

Na sétima edição da Fliporto grandes nomes do jornalismo e da literatura mundial farão parte da programação. Dentre os inúmeros convidados da Festa Literária Internacional de Pernambuco este ano, destaca-se o médico, escritor e professor indiano Deepak Chopra. Ele, que é considerado em todo o mundo um mestre da espiritualidade e da medicina corpo-mente, é autor de mais de 25 livros de auto-ajuda, traduzidos para mais de 30 idiomas. Dentre as obras de maior relevância estão “A Cura Quântica” e “As Sete Leis Espirituais do Sucesso”. Outro médico e escritor que fará parte da programação da Fliporto 2011 é o descendente de japoneses Ryoki Inoue. Conhecido pelo incrível número de 1.099 livros publicados, o autor brasileiro entrou para o Guines Book como o escritor com mais publicações individuais no mundo. Entre suas obras destaca-se “Saga – A história de quatro gerações de uma família japonesa no Brasil”. Um nome de grande importância na programação da 7º Festa Literária Internacional de Pernambuco é o Prêmio Nobel de Literatura Derek Walcott. Autor de mais de 20 livros de poesia­, lançou pela Companhia das Letras a obra “Omeros”, marco na literatura mundial. O rico e complexo poema épico relembra o Homero grego e os mitos antigos, mas faz uma alusão ao homem universal contemporâneo. O romancista, ensaísta, poeta e bibliotécologo Fernando Báez complementa o acervo de escritores de grande repercussão mundial. Ele, que escreveu o best-seller “História universal da destruição dos livros”, é um autor consagrado quando o assunto é cultura e literatura. Outro grande destaque da festa literária é o escritor, jornalista e cineasta paquistanês Tariq Ali. Autor de obras sobre história mundial e política, romances e roteiros para teatro e cinema, Tariq ficou conhecido ao escrever as obras “Piratas do Caribe”, “Confrontos de fundamentalismos”, “Bush na Babilônia”, “Redenção” e “Um sultão em Palermo”. Atualmente vive em Londres, onde escreve para jornais e revistas como o The Guardian, The Nation, The London Review of Books. Ainda dentro do jornalismo, o palestino Abdel-Bari Atwan também é um nome de peso dentro da Fliporto 2011. Ele, que vive em Londres há mais de 30 anos, é um dos 50 árabes mais influentes do mundo. Ficou mundialmente conhecido pela entrevista que fez com o terrorista Osama Bin Laden pouco antes dos atentados de 11 de setembro de 2001. Após esse fato, o jornalista escreveu os livros “A Country of Words” (inédito em português) e “A história secreta da Al-Qaeda”, publicado no Brasil pela editora Larousse. Uma representante feminina da literatura oriental é a poeta, tradutora e jornalista libanesa Joumana Haddad. Ela, que vai muito além dos costumes árabes, fala sete idiomas é uma das maiores escritoras e tradutoras da atualidade. Contra os preconceitos e clichês estabelecidos às mulçumanas, ela não apenas escreve obras cercadas de sensualidade como é responsável pela revista Jasad (Corpo), onde são abordados temas como sexualidade e cultura. No Brasil lançou recentemente pela Record o livro “Eu matei Sherazade – confissões de uma árabe enfurecida”. Além da libanesa Joumana Haddad, outra importante representante feminina no congresso literário da Fliporto 2011 é a museóloga, doutora em arqueologia e PhD em arqueologia ambiental Fernanda de Camargo-Moro. A historiadora ocupa lugar de destaque quando se fala em estudos na área de preservação do Patrimônio, pois como Consultora da Unesco, da ONU e do Cepal, desenvolveu projetos na Ásia, Oriente Médio e no Caribe. Entre os seus livros se citam “Arqueologias Culinárias da Índia”, “Mar das Pérolas – Dubai e Emirado”, “ Arqueologia de Madalena: uma busca histórica da companheira de Jesus” e “Veneza: o encontro do Oriente e do Ocidente”. O crítico de arte e professor José Roberto Teixeira Leite, autor do livro “A China no Brasil: influências, marcas, ecos e sobrevivências chinesas na arte e na sociedade do Brasil” e o jornalista Fernando Morais, autor de “Chatô – o rei do Brasil”, “Olga”, “A Ilha” e “Cem quilos de ouro” são brasileiros consagrados no cenário literário nacional e que farão parte da sétima edição da Festa Literária. O escritor e professor catedrático da Universidade da Beira Interior (Portugal) José Carlos Venâncio e o escritor, professor e presidente da Academia Brasileira de Letras Marcos Vinicios Vilaça também farão parte do evento. Ambos tem como características realizar estudos e pesquisas na área da sociologia e história. Além desses nomes, vários outros estarão na sétima edição da Festa Literária Internacional de Pernambuco – Fliporto. O evento, que mais uma vez será realizado em Olinda promete grandes debates e reflexões acerca do tema Ocidentes e Orientes e sobre a influência do pernambucano Gilberto Freyre na sociedade moderna. http://www.fliporto2011.com.br/

Comments

Popular posts from this blog

Todo sobre Fernando Baez

El saqueo cultural de América Latina llega a Uruguay

El saqueo cultural de América Latina es ya un best seller en Argentina